News Update :
Home » » Cidade-Estado no Brasil: medo e incapacidade para raciocinar

Cidade-Estado no Brasil: medo e incapacidade para raciocinar


Cidade-Estado no Brasil: medo e incapacidade para raciocinar

envolvem a massa cinzenta de muitos patrícios!

 

Quando Ame Fundação lançou a sugestão de se instituir uma cidade-estado no litoral brasileiros, nos idênticos moldes de Hong Kong, Macau e Cingapura, alguns chegaram a reptar disfarçadamente, insinuando tratar-se de utopia.

Neste ponto lembramos a resposta ao saudoso amigo  Aristodemo Pinotti que além de médico possuía qualidades intelectivas superiores aos que comandam governos municipais, estaduais e também federal.

Dizia Pinotti que nosso ideal não passava de utopia, mas lembramos ao querido amigo que Roma nasceu como cidade-estado, projetou-se no mundo como Império e nasceu de uma utopia, como também o cristianismo, utópico nos primeiros anos, veio transformar-se numa das religiões mais atuantes do planeta.

Alguns pensadores de escol alegam que utopia é o germe dos projetos e, portanto, ninguém está autorizado a desmentir grandes voos alcançados quando estavam apenas na imaginação utópica de pessoas e grupos sociais.

Se o presidente de Honduras ficou maravilhado com o que viu nas cidades-estados asiáticas, e quer copiar o modelo em seu país, por certo ele não está devaneando, mas acreditando no tempo em que a instituição levará ao seu país imensa soma de riquezas, tal como está a ocorrer em Hong Kong principalmente.

E como fica a gente brasileira, que não consegue fazer germinar o projeto para que o nosso país floresça e consiga um PIB-Produto Interno Bruto à altura das necessidades sociais e, especialmente, tenha como ajudar o desenvolvimento, ainda emperrado?

A dificuldade maior está na leitura e compreensão matemática desta articulação, com dados oficiais plenamente confirmados, mas que requerem paciência para que os neurônios dos muitos que se engalfinharam em postos e cargos públicos consigam discernir. Sim, o que está a faltar é apenas discernimento, algo que, no atual momento, se ausentou das hostes econômicas do país, tanto em nível municipal como estadual e federal.

A vida econômica da República acha-se estagnada, em virtude da extrema necessidade de cérebros com neurônios perfeitos, lacuna esta imperceptível para muita gente que recebe altos salários mas está incapacitada para funções que dizem respeito à teia social, eles pensam apenas individualmente, um grande perigo, pois!

Oxalá, dos 26% que conseguem ler e entender o que leem, apareçam alguns dispostos a debater o futuro do Brasil, através de projetos e programas de alto impacto para a economia nacional, que terá o condão de um tipo de desenvolvimento tranquilo, solidário, bem como aplicação de investimentos tais que impulsionarão o Brasil ao seu destino de Pátria com Ordem, Progresso, Solidariedade e Ética, acima de tudo!

 

Ame Fundação Mundial de Ecologia – www.ecologia.org.br                         amefundacao@gmail.com

Jornal Verde Municipalista – www.jornalverdemunicipalista.net.br

  atendimentojornalverde@gmail.com
Share this article :
 
Design Template by panjz-online | Support by creating website | Powered by Blogger